Uma xícara de luxo

Caffe+Luxxe+image

Se uma das inovações do conceito contemporâneo do luxo é ressaltar a importância da experiência no momento do consumo dos bens de alto padrão, é possível imaginar que através dos prazeres mais cotidianos e tradicionais residem níveis de realização e satisfação que tendem a deixar impressões gravadas para sempre.

E neste dia 14 de abril em que se comemora o Dia Internacional do Café, nada mais apropriado que falar um pouco dessa verdadeira paixão nacional. Para muitas pessoas, o café é muito mais do que uma simples bebida, é um verdadeiro companheiro para o dia a dia.

O segmento de luxo está em sintonia com os apreciadores dessa bebida milenar e muitos são os lançamentos de sabores e, até mesmo, de máquinas de café, destinados a satisfazer o paladar de consumidores cada vez mais exigentes e antenados.

A profissão de barista, também, vem atraindo de forma sistemática interessados em criar obras de arte com o café. De acordo com Gelma Franco, uma das percussoras do segmento de cafés gourmets no país, “a participação do barista na elaboração do café é semelhante a do maestro na regência de uma orquestra. Ambos os profissionais são responsáveis diretos pela harmonização das notas, que compõem o resultado final”.

Entre os benefícios do café para a saúde destacam-se o aumento da energia produtiva, o auxilio na digestão e a melhoria do desempenho de atividades físicas. Até mesmo o cheiro do café pode atuar como um elemento redutor do estresse, segundo pesquisas realizadas no país.

Enfim, que tal adicionar um pouco mais de prazer e luxo ao dia de hoje saboreando uma deliciosa xícara de café?