Moda Nacional
Pagamento por criptomoedas no varejo de moda é destaque na Couromoda 2022

Até o dia 19 de janeiro, acontece a maior feira de calçados, roupas e acessórios da América Larina, a Couromoda 2022. A Data System, empresa líder no desenvolvimento de softwares para lojas de calçados e roupas para o varejo, será um dos destaques entre os expositores e irá apresentar ao público a segunda edição da Varejo Tech Store, loja conceito com várias soluções tecnológicas para ajudar no desenvolvimento e crescimento de pequenos e grandes varejistas.

No estande, os lojistas poderão conferir em primeira mão a integração dos principais meios de pagamentos digitais por QR Code, como: Pix, Mercado Pago, PicPay, Ame, PagBank (entre outras), em sistemas como frente de loja, ERP, PDV, e-commerce e aplicativos do varejo.

Por meio do sistema de gestão PDV 4.0 da Data System, a Shipay é responsável pela facilidade nos métodos de pagamento, e como novidade exclusiva para a Couromoda, será apresentada uma nova opção de pagamento: por criptomoedas. Mais de 3 mil clientes que fazem parte da base da Data System serão impactados por trazer essa praticidade ao cliente ao pagar suas compras com moedas digitais.

Vale ressaltar que a Shipay possui conexão com mais de 500 mil lojas físicas, e elas também serão impactadas com a novidade que irá ampliar a jornada de pagamento digital no varejo como um todo.

Na prática, a solução integrada da Shipay vai impactar o jeito que o varejo de moda atua cotidianamente, trazendo inovação nos meios de pagamento. Os donos de lojas físicas de calçados, roupas, além dos que atuam no e-commerce poderão oferecer criptomoedas ao vender um sapato, bolsa ou artigo de moda em geral.

“A Shipay, cuja capilaridade ultrapassa a marca de 500 mil estabelecimentos no país, vai dar acesso ao consumidor e ao dono do estabelecimento, seja pequeno, médio ou grande porte, a um universo de mais de 100 criptomoedas (Bitcoin, Ethereum, Binance, USDC, Bitcoin Lightning, Dash) dentre outras, por meio de uma carteira digital da Coynpayments, processadora de pagamentos em criptomoedas integrada na Shipay. No fim das contas, o consumidor pode pagar em criptomoeda e o estabelecimento decide se recebe em real ou cripto, a conversão é simultânea e a taxa é de 0,5% para o varejista.”, afirma Charles Hagler, sócio fundador da Shipay.

Mas, afinal, como funciona o pagamento por moedas digitais no varejo?

“Esse é o primeiro passo para que o varejo também possa aproveitar a segurança e agilidade das criptomoedas, além de popularizar ainda mais esse ativo não só como fonte de investimento, mas também como algo útil para ser usado em nossas compras”, explica Rubens Neistein, Business Manager da CoinPayments.

O funcionamento é bem simples. A empresa precisa utilizar a ferramenta da Shipay no seu sistema de caixa ou plataforma de e-commerce e abrir uma conta digital (wallet) na CoinPayments. Depois disso, basta o consumidor fazer o pagamento pelo seu celular apontando para o QRcode que aparece na tela da loja e o varejista receberá os pagamentos em criptomoeda na sua carteira Coinpayments. Conheça na prática a funcionalidade dos pagamentos digitais no varejo de moda

Na loja conceito, que estará localizada na Rua G com a Av. 3, os lojistas poderão conferir ferramentas que proporcionam experiências únicas para os consumidores durante as compras, além de ajudarem a otimizar e gerir de melhor forma a rotina empresarial - desde a conferência do estoque até o desempenho dos vendedores, por exemplo.

"No mercado varejista de moda, temos o desafio de viabilizar e disponibilizar inovações para os pontos de venda (PDV) de forma rápida. A parceria entre Data System e Shipay traz agilidade para entrega da solução ao lojista que poderá atender basicamente todas as necessidades de pagamentos digitais incluindo a grande novidade de pagamento por criptomoedas" , finaliza Alex Marques, diretor comercial da Data System.