Os produtos de luxo e seu universo de valores tangíveis e intangíveis

“Ao colocar um Louboutin nos pés, a mulher imediatamente toma consciência de sua postura e de seu corpo, o que dá sensação de poder. Sapatos de salto alto exigem isso, esse controle do corpo. É preciso ter consciência da sua postura para andar sobre eles. E, quando a mulher vê sua silhueta melhorada por um par de sapatos de salto alto, ela se sente mais presente e muito mais poderosa”.

Foi com essas palavras que Christian Louboutin respondeu, em 2012, a um questionamento de uma revista brasileira que pedia uma explicação sobre os motivos pelos quais seus sapatos fascinavam tanto o público feminino. Muito mais do que responder à pergunta, o designer francês ofereceu uma reflexão interessante sobre os valores tangíveis e intangíveis que existem nos bens de luxo.

No caso dos produtos criado por Louboutin, os sapatos, existe um valor tangível que é formado pelos materiais utilizados na sua composição, nas horas dos profissionais que se dedicaram à fabricação e aos custos de marketing e divulgação dos produtos, para ficar apenas com as despesas mais evidentes.

Entretanto, muito além desse custo imediato, o valor de um produto de alto padrão é formado pelos conceitos intangíveis que ele representa. Novamente, para citar o designer francês, quem compra os sapatos de sua marca está mais interessado na sensação de usá-lo, em como esse sentimento irá afetar sua vida, em como o sapato aumentará sua autoestima.

Embora conceitos como “escolha racional” e “objetividade de avaliação” sejam muito utilizados nos mais diversos segmentos econômicos, no mercado de luxo as aquisições possuem um caráter muito mais emocional do que racional. Ou seja, os bens de luxo não visam necessariamente atender uma necessidade e, sim, uma vontade.

Dos sapatos de Louboutin às joias da Tiffany & Co., ou dos automóveis da Maserati às novas coleções da Gucci, os valores intangíveis tem papel de destaque no interesse dos consumidores e somente as marcas que valorizam  e potencializam esses valores tendem a ter sucesso na atualidade.

Crédito da imagem: Peter Lippman- Christian Louboutin/Divulgação.