A moda é destaque na exposição que resgata a obra de Alfred Hitchcock

O inglês Alfred Hitchcock é muito mais do que um dos principais diretores da história do cinema. Sua ligação com a arte do suspense é tanta que seu nome virou adjetivo e seus filmes estão entre os mais assistidos, debatidos, analisados e copiados de todos os tempos.

Quem quiser conhecer de forma mais aprofundada a obra do cineasta pode conferir até o dia 21 de outubro no Museu da Imagem e do Som de São Paulo a exposição Hitchcock – Bastidores do suspense. Com a curadoria de André Sturm, cineasta e ex-diretor do MIS, a mostra traça um panorama da vida e obra do diretor por meio de uma expografia imersiva e interativa, que tem como conceito levar o visitante a um set de filmagem.

Entre os objetos selecionados pela curadoria estão fotos, manuscritos, storyboards, cartazes e materiais de divulgação dos filmes, como kits de imprensa e lobby cards (fotos de porta de cinema ou cartazetes), matérias de jornais e revistas e diversos outros elementos, além de material audiovisual, como, por exemplo, trechos de filmes do início da carreira do diretor.

Entre os itens em exposição que foram garimpados especialmente para o evento, a moda também está presente através de croquis de figurinos e reproduções de alguns dos trajes icônicos utilizados por personagens destaques na longa filmografia do diretor. Para a experiência ficar completa, é possível realmente caminhar no casarão que é cenário do filme Psicose e sentir o coração bater mais acelerado.

Leave a Reply

Your email address will not be published.


The fashion is highlighted in the exhibition that rescues the work of Alfred Hitchcock

The Englishman Alfred Hitchcok is much more than one of the leading directors of film history. His connection with the art of suspense is such that his name became adjective and his films are among the most watched, debated, analyzed and copied of all time.

Anyone who wants to know more deeply the work of the filmmaker can check the exhibition Hitchcock – behind the scenes of suspense, until October 21 at the Museum of Image and Sound of São Paulo. With the curatorship of André Sturm, filmmaker and former director of MIS, the show traces a panorama of the director’s life and work through an immersive and interactive expografia, whose concept is to take the visitor to a film set.

Among the items selected by the curators are photos, manuscripts, storyboards, posters and film materials, such as press kits and lobby cards, newspaper and magazine articles, and a number of other elements. audiovisual material, such as excerpts from the director’s early career.

Among the items on display that were specially panned for the event, fashion is also present through sketches of costumes and reproductions of some of the iconic costumes used by characters featured in the director’s long filmography. For the experience to be complete, it is possible to actually walk into the mansion that is scene of the movie Psycho and feel the heart beating faster.

Leave a Reply

Your email address will not be published.