Mercado imobiliário de alto padrão segue em ritmo de crescimento

De acordo com uma matéria publicada no último dia 16 de março no portal de notícias O Popular, os imóveis de luxo estão em alta em Goiânia. De acordo com o texto, o segmento na cidade vive um momento de expansão com lançamentos residenciais de alto padrão sendo comercializados em poucas horas. Esse cenário positivo vem ocorrendo em diversas regiões do país, destacando que o setor imobiliário de luxo cresce de forma contínua.

Continuidade é uma palavra apropriada, já que no final do ano passado, dados divulgados pelo Secovi – Sindicato da Habitação apontavam um índice de crescimento na ordem de 20% ao ano. Além do cenário econômico positivo, entre os principais motivos que justificam esse panorama está o esforço das construtoras e imobiliárias em atender os desejos dos novos consumidores.

Um desses desejos é a realização do processo de aquisição da forma mais rápida e dinâmica possível, ou seja, utilizando a internet e os sistemas online para iniciar as pesquisas. “Atualmente, o consumidor ganha tempo e comodidade pesquisando via internet. No mercado imobiliário, busca-se o futuro imóvel para morar ou investir, visita-se modelos digitais decorados, pesquisa-se conteúdo sobre a região do empreendimento, as taxas de juros dos financiamentos e as avaliações de clientes da construtora, locatário ou imobiliária, tudo isso sem sair de casa”, ressalta David Oliveira especialista em soluções inovadoras de marketing digital e tecnologia.

Outro ponto de destaque é a customização dos ambientes conforme os interesses dos novos proprietários. Nas plantas modernas, é possível personalizar praticamente todos os detalhes, literalmente do piso ao forro. Ainda no que se refere aos projetos, conforme já destacamos aqui no Terapia do Luxo, a visualização das plantas em formato 3D ou em vídeo também contribuem muito para que a realização dos desejos dos novos proprietários aconteça antes mesmo do projeto estar concluído.

“O cliente do mercado imobiliário busca praticidade e experiências baseadas em suas necessidades. Um exemplo disso são os imóveis que oferecem escola para as crianças, carros e bikes compartilhados, espaço pet, crossfit, pilates e espaço para lavar o carro. O mercado de luxo é um bom exemplo da mudança de comportamento do consumidor. Antigamente luxo era ostentar, gastar irracionalmente. O luxo atual é ser simples: ter tempo, ser discreto, autêntico, investir no que é funcional e racional”, finaliza David Oliveira.

Crédito da imagem: Victorian Living Desire/Town Incorporadora.

Leave a Reply

Your email address will not be published.