Louis Vuitton une tecnologia e tradição em nova coleção de bolsas conectadas

Uma das características que definem a sociedade contemporânea é a conectividade. Através de aparelhos eletrônicos como smartphones, computadores e tablets, as pessoas passam um tempo cada vez maior navegando na rede mundial de computadores ou conferindo as atualizações das mídias sociais.

Esse interesse pelo mundo virtual já encontrou diversas manifestações no segmento de moda, porém, poucas foram tão ousadas quanto a nova coleção de bolsas que a Louis Vuitton pretende lançar no mercado no segundo semestre de 2020. O que torna essas bolsas tão especiais é que elas possuem telas flexíveis e a capacidade de se conectar com o mundo virtual.

Conforme anunciou Bernard Arnault, CEO do grupo LVMH, conglomerado que controla a marca francesa, a bolsa está confirmada entre os novos produtos, mas sua comercialização não será imediata. “O modelo foi apresentado em Nova York, mas teremos que esperar um pouco para que ele esteja nas lojas” destacou disse Arnault na Vivatech, um dos mais importantes eventos de tecnologia do mundo.

As bolsas apresentadas justamente durante a feira unem a tradição da Louis Vuitton, expressa através do seu icônico monograma, à tecnologia de última geração com a utilização de telas dobráveis que já fazem sucesso no segmento de telefonia celular. O lançamento da marca francesa, sem dúvidas, comprova que a conectividade se tornou um atributo indispensável dos bens de luxo na atualidade.

Crédito das imagens: Reprodução.